12 dezembro 2007

Uma por dia... – O direito à paridade

Há um velho ditado que diz: por trás de um grande homem existe sempre uma grande mulher! O pai natal não foge à regra.
Por isso hoje, e depois de ter postado à dias o Pai Natal, a ribalta para a mãe natal que também merece toda a nossa atenção.
Se repararem bem nos pormenores, ela já tem um daqueles candeeiros com que a microsoft anda a diversificar a sua oferta, o que quer dizer que, este Natal, mais que um Cd da Leopoldina, um par de meias ou uns bombons da Ferrero Rocher, você sujeita-se a receber uma "lâmpada efeito nascer do sol com rádio-despertador" já que o o próprio Pai Natal comprou uma para sua casa...

11 comentários:

menino jesus (perdão) josé disse...

O Pai Natal com uma Mary Christmas daquelas em casa ainda precisa de um rádio despertador? Tadinho do homem.

O Gaiteiro disse...

Ó pastor.... podia dizer muitas coisas sobre estas imagens, mas o que me ocorre é que canta melhor do que tu cantas o " Baleizão" :P

382 U disse...

Caro gaiteiro,
não sei se hei-de ver nisso um elogio ou alguma deficiência hormonal que, compreensivelmente, nunca quiseste revelar!
De qq forma registo (com algum espanto) que o que te chamou a atenção foi a voz da mocinha. Honestidade acima de tudo!

R. disse...

Duvido que tenha sido UM GAJO a reparar no pormenor do despertador....

382 U disse...

Tens razão R..
Ficam aqui os créditos para a minha filha mais nova que disse: Pai, aquilo não é o despertador da Microsoft?

R. disse...

LOL... eu não disse?:)
Deixas a tua própria filha ler este blog?
xiii ... coitada!

382 U disse...

Só a mais nova (visto que não sabe ler)!

Pedro Aniceto disse...

O que tu queres sei eu!

R. disse...

ainda 'tas a pensar na velhinha?
:))))

O Gaiteiro disse...

Repara caro amigo que disse que podia dizer muita coisa sobre as imagens....fez-me mesmo lembrar o trauma que tive quando te ouvi cantar.
Quanto á tua filha ler este blog.... não terá muito tempo de sanidade mental.

filipe m. disse...

Sou obrigado a concordar com o gaiteiro, a gaja realmente canta mal para caraças.

(Peço desculpa pelo comentário atrasado, mas há certos riscos que não corro quando estou no escritório!)